sábado, janeiro 03, 2015

Minhas novas séries no Grimoire

Faz um ano que coloquei online o meu fanzine de quadrinhos Grimoire.
Ali eu vou publicar parte do material que eu tenho impresso em papel, histórias inéditas que não foram publicadas em revista, mas que são antigas e preciosas.
Também incluí as tirinhas de humor que estiveram na rede por dois anos, originalmente no portal do Gabriel Torres, o Clube do Hardware – um pólo de referência para o mundo da informática!



Ainda por publicar as tiras de humor de Odete, a Vingadora, além das novíssimas "247 Clones" e 3EARS, criadas já em tempos de Facebook.


Por falar nisso. No Facebook está a FanPage do Grimoire, onde os navegantes podem acompanhar as atualizações do Blog, além de postagens exclusivas para que deu seu "like".

As séries iniciadas no primeiro ano prosseguirão em 2015:
O Diário das Feiticeiras
O Gato Gordo da Moeda
Super Heróis Inacreditáveis
Infornautas

Novas séries nascem de HQs inicialmente soltas. A série que conta sobre minha gata Tita. Sobre comportamentos e relacionamentos serão duas. "A caixinha de 4 partes", sobre os caminhos do amor e a primeira. Tem como uma das personagens protagonistas essa apaixonada aí:





E outra, ainda sem título, sobre questões de gênero e sociedade:



Séries de aventura e mistério estão à caminho. Na realidade ideias que eu já tenho desenvolvidas mas em outros blogs. Como "Anesidora", "Monstrographia", "Peleja" e "Histórias do Outro Lado".



"De onde veio?" é uma coleção sobre expressões e ditados populares, e noções de senso comum, nem sempre tão claras do porquê existirem:



Haverá ainda uma inspirada na música. Iniciei com a HQ da Lucinha!
O talento de Lucinha me encantou. Sou apaixonad apor música, não consigo criar sem trilha sonora. Daí, quando vou a um show, a uma roda de samba, um sarau, costumo levar minha prancheta e desenhar. Daí a ideia de passar isso para quadrinhos também.
Tem outra a caminho, a primeira página é essa:



E outras surgirão
sempre que pintar a inspiração!


quinta-feira, janeiro 01, 2015

O Papel da Mulheres em Bonecas de Papel

Meu projeto de intervenção urbana. Inicialmente com paineis, em paredes ou tripés, mas pode ser pensado em outros materiais. Um blog será montado em paralelo com a mesma dinâmica, só que com bonecas de papel para impressão ou interação direta online. É reinventar o papel social da mulher, e do gênero feminino, através da alteração das vestes e elementos que as mulheres representadas nos painéis carregam. Figuras históricas, personalidades, anônimas (e nem por isso menos importantes!), se espalham pelas ruas, praças, alamedas de uma cidade que também precisa se reinventar para um mundo mais igualitário e generoso.
Cristina de Pisan

Latina.

Simone de Beauvoir.

Madame Curie.

Modelo do painel.

Estudos de estilo.